quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

OS PEDAIS DA SEMANA - 26/01 a 31/01.


Fala moçada.

Segue a agenda da semana. Vale lembrar que dia 31/janeiro (domingão), é dia de TRIPBIKE - SJC >> SÃO XICO.

QUARTA-FEIRA - 27/JANEIRO
PEDAL PEDALAVALLE
VOLTA DO PRESÍDIO I (30KM) e VOLTA DO PRESÍDIO II (22KM)
Com o Bóia e Coquinho.
Nível moderado
Saída: 20:00h
Local: Parque Santos Dumont.

QUINTA-FEIRA - 28/JANEIRO
PEDAL PEDALAC
PARATHEY
35KM
Nível médio em ritmo moderado.
Terreno: asfalto e terra. Recomenda-se o uso de pneu para terra.
Saída: 19:30h
Local: PEDALAC - Vila Industrial

SEXTA-FEIRA - 29/JANEIRO
PEDAL PEDEVELA
Este pedal sempre sai da IECP - ao lado da Padaria Pingo de Ouro, no Satélite.
Saída às 19:30 h
O local é só conferir na hora, ou no blog www.pedevelasjc.blogspot.com

DOMINGO - 31/JANEIRO
TRIPBIKE SÃO JOSÉ > SÃO FRANCISCO
Saída às 07:30h da rotatória do URBANOVA
Confira aí no www.capimcompoeira.blogspot.com

Lembre-se sempre: Use capacete, luvas e equipamento de proteção, farol, lanterna, bike com revisão em dia, leve câmara reserva, água, gel, etc...

Deve rolar um pedal do AMAGRELA para o sábado de manhã. Estamos bolando. Postarei amanhã.

Abraços,
Paulinho.

domingo, 24 de janeiro de 2010

CHEGUEI DE VIAGEM! FÉRIAS É TUDO DE BOM!

Fala moçada,

Cheguei de viagem. Voltamos às atividades ciclísticas e ao teclado, para incrementar este blog.
Aliás, blog que andou bem movimentado por esses tempos. Tudo certo, tudo rodando, o pessoal tem se interessado por nossos rolês, e o povo das duas rodas em São José e região vai se conhecendo e formando essa nação de amantes da magrela.
Isso é muito louco!!
Bom, viagem excelente, pousada bem bacana, criançada animada, família, sol e mar!
Receita que garante cansaço físico e descanso mental!!

E não fizemos nenhum pedal por estes dias passados.
Daí resolvi postar por aqui umas fotos de um pedal que fizemos no dia 10 de janeiro de 2010, há 14 dias, para iniciar nos pedais um amigo: o Paulinho Cardoso. Suou, fez calo na bunda, mas pedalou uns 18km. O que, para primeiro pedal, foi excelente! Foram também a Aninha, que já nos acompanhou antes, minha esposa Helena, o Betão, o Davi e eu.
Aí vão as fotos:

Saída da praça no Jardim das Indústrias. Aninha, Betão e o Paulinho Cardoso.


Helena e eu.


Davi, eu, Helena, Betão, Paulinho Cardoso e Aninha.


Paradinha para o pneu furado.


Na fazendinha, pra iniciar o Paulinho Cardoso na terra e merda de vaca.


E alguns solavancos para calejar a bunda.


Voltando, indo para o Urbanova.


No tio do coco gelado e caldo de cana: paradinha para fotos. Acima os três irmãos, Betão, Davi e Ninha.


Aqui os Paulinhos: eu e o Cardoso.


Auto foto.

O pedal foi curto, leve, com direito a caldo de cana, água de coco, e água de chuva. Caiu um toró lascado. Mas sobrevivemos.

*
*

Voltando aos dias atuais, para esta semana, próxima, vamos bolar algum pedal para nível iniciante/ médio. Isto é um pedal para quem já está acostumado a pedalar, nada profissional, mas com distância de uns 50km.

Atenção:
Se você é casado(a), o(a) esposo(a) já pedala, e ele(a) tem receio de pedalar em grupo com medo de ficar pra trás, mas está querendo acompanhar uma turminha num pedal mais distante, conhecer lugares legais, acompanhe o blog nestes próximos dias, que vamos fazer algum trajeto neste nível para o fim de semana que vem (30 ou 31 de janeiro). Mas não se desanime com a distância, se você achou demais. A gente vai parando, esperando os derradeiros, sem tiração de sarro e pressão psicológica. É diversão pura!!

Quem pediu pra dar o aviso foi a Téia, esposa do Ishii, que adorou pedalar conosco, e já deu a dica de que está querendo ir pra Santa Branca.
Quem tiver alguma idéia de pedal pode mandar um e-mail para o amagrela@ig.com.br e passar o recado.
Daí é só aguardar o convite final que será postado por aqui.

Abraços,
Paulinho.

domingo, 17 de janeiro de 2010

FOMOS PRA REPRESA!


Fala moçada!

Rolou o pedal pra represa, ontem, 16 de janeiro, e foi realmente bem bacana.

Já faz um tempinho que minha esposa queria conhecer o trajeto, armei esse pedal e postei no blog o convite na sexta-feira à noite. Daí, confirmados, de cara, íamos eu, a Helena, o Beto e o Davi. De noite o Ishii me ligou e disse que iria com a gente, pra levar a esposa também.

Bom, 07:15h aportamos no estacionamento do Parque da Cidade, em Santana, pois a idéia era driblar o ribeirão cheio. Como ninguém mais se habilitou, até porque o convite saiu em cima da hora, fomos só nós seis. Saímos de lá às 07:40h, descemos pela Vila Rossi, e tomamos a estradinha de terra rumo à Chácara São José, linha do trem, e seguimos pela trilha da J. Macedo. Saímos na Estrada do Jaguari, e tomamos a estrada de terra para a represa. Chegamos no Bar das Meninas às 09:40h. Pastel, sandubinha, paçoca, e tal... fomos até o vertedouro pra ver a água escoando, e levar as patroas a conhecer o lugar. Dali voltamos pelo mesmo trajeto de terra. Chegando no asfalto, tomamos a esquerda, rumo Altos de Santana, e voltamos pela ciclovia da Via Norte, por trás da Coop, e subimos até o Parque da Cidade.

Pedal bem legal, com clima agradável, sem sol escaldante, e também sem chuva. Dia nublado, bom pra pedalar.

Galera gente boa, bate-papo no Bar das Meninas, boas fotos, bons registros. Especialmente em nossas memórias. A verdade é que envelhece quem quer. Ao menos na cuca.

Total de quase 42km, como previsto.

Pra variar, teve pneu furado.

E seguem um vídeo e as fotos para o deleite dos nossos leitores:


video



Amanhecer do dia. Fotão, hein?!


Saída do pedal, do estacionamento do Parque da Cidade.


Descidinha para o começo da trilha da J. Macedo, ao lado do rio.


J. Macedo.


Helena e Téia.


Na trilha.


Galhos caídos. Ishii e Betão desobstuíndo a passagem.


Betão no embalo!!


Helena.


Eu e o Ishii.


No gramado da J. Macedo.


O casal 20.


Ponte do Jaguari.


Subidinha...


As belas paisagens deste mundão sem fronteira!!


Galerinha curtindo o visual...


Ishii em auto foto, com a moçada ao fundo.


E mais subida...


No caminho da represa...


Helena concentrada na subida, e Betão.


Magrelas descansando na frente do Bar da Meninas.


As esposas.


Sr. e Sra. Ishii. Fala se o Ishii nesta foto não está parecendo o Ultraseven?


Galera fazendo uma boquinha.


Na frente da represa. Paisagem bem bacana.


O vertedouro.


Galera fazendo pose na frente do aguaceiro.


E o Davi que não apareceu na foto anterior.


Bom. Daí, na volta, o pneu furou. Olha aí em cima o espinho.


A troca do pneu. Não sou nenhum Juliano Bike Joe, mas dou meus pulos.


Chegada no Parque da Cidade.


Foto do Davi. Indo pra casa.

Dia ganho! Pedal excelente, em nível iniciante/ médio. Dávamos nossas arrancadas, mas esperávamos quem ficou pra trás. E o mais importante: tem que dar um tempinho pra quem vem por último também descansar!! Daí o pedal é bom pra todos, e fica aquele gosto de quero mais. Galera reunida com o objetivo de promover uma atividade saudável, e conhecer gente e lugares especiais.
É isso moçada.

Até o próximo pedal!!

Abraços,
Paulinho.

sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

VAMOS PRA REPRESA?

Moçada é o seguinte:

Também de última hora resolvemos fazer um pedal para a REPRESA amanhã (dia 16/01/2010 - sábado) cedo.

A idéia é se encontrar no PARQUE DA CIDADE (SANTANA), pra começar o pedal já do lado de lá do rio, pra evitar o ribeirão cheião.
Vamos também em tirmo leve, sem stress, mas pra chegar de volta antes do almoço (ou na hora do almoço).

Pra quem nunca foi, e gostaria de conhecer, é um pedal bem bonito, de aproximadamente 42km (total), com terra e asfalto, e vamos em ritmo de passeio. Se quiser conhecer, essa é a hora.

Aviso que, apesar de ser um pedal-passeio, tem algumas subidas consideráveis. Quem quiser subir empurrando, não sofrerá qualquer tipo de pressão psicológica ou coisa que o valha. rsrs. Cada um no seu limite, com intenção em comum de conhecer belas paisagens, fazer novas amizades, e pedalar!

Então é assim:

ENCONTRA às 07:15 horas da manhã, no PARQUE DA CIDADE, portaria ali da Av. Olívio Gomes, no ESTACIONAMENTO.
SAI às 07:30 horas da manhã.
Levar: CÂMARA DE AR RESERVA (pelamordeDeus)!! Eu até troco o pneu se furar (e fura). Mas eu não tenho câmara para todo mundo; capacete, água (bastante), bike com revisão em dia, dinheiro, documento, celular, luvas, e equipamento básico de manutenção da bike (chaves, etc), e DISPOSIÇÃO!

Ah... Tem o seguinte: SE CHOVER NÃO TEM PEDAL!

Vamos pedalar!!!

Abraços,
Paulinho.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

RELATO - PEDAL SANTA BRANCA - 09 DE JANEIRO DE 2010.


Comemos o pão na chapa em SANTA BRANCA, cidade que sempre recebe os ciclistas da região de São José, Jacareí e adjacências.
O pedal foi bem tranquilo. Saímos às 07:30 h da manhã, neblina baixa, ali da frente do Condomínio Mirante do Vale. Fizemos trajeto misto TERRA/ASFALTO, pela Estrada do Rio Comprido, depois a direita pela Varadouro, até chegar na rotatória da Rodovia Nilo Máximo. Daí pra frente asfalto até Santa Branca. Este trajeto é legal pois a ida e volta para Santa Branca por ele, saindo do Mirante, não dá 40km. Assim, como a proposta do pedal era para ser passeio, tivemos iniciantes o Luiz Gustavo, que fez seu primeiro bate e volta intermunicipal, a Helena, minha esposa, que também fez seu primeiro trajeto intermunicipal, e o Ezequiel, que apesar de não ser iniciante, está voltando às atividades ciclísticas, e nos acompanhou porque aceitou o convite proposto em nosso blog. Participaram do pedal: eu, a Helena, o Betão, o Davi, o Tony, o Ezequiel e o Luiz.
Pedal suave, com três pneus furados. Há quem tenha dúvidas sobre tais ocorrências e suas causas ocultas. Tem gente que jura de pé junto que a coisa toda é intencional. Malandro chegou a me dizer que era porque eu comprei uma bomba nova. Outros que para paradinhas estratégicas. O fato é que primeiro foi o pneu dianteiro do Luiz Gustavo, com um espinho. Depois o pneu traseiro da bike da Helena. Por fim, pneu dianteiro da minha bike, que eu não troquei. Enchi a cada 4km, porque já estávamos chegando. Furo pequeno. Tinha muita tranqueira na pista, que desceu das encostas por causa da chuvarada. E a gente é que se lascou.
A gente já estava voltando, de barriga cheia, passando o Rivers, quando encontramos a turma do pedal PEDALAVALLE chegando a SANTA BRANCA. Valeu galera.

Bom, chega de enfeite, e vejam aí as fotos do pedal:

Na saída do Mirante do Vale: muita neblina e muita disposição.
Da esquerda para a direita: Luiz Gustavo, Tony, Helena, Beto, eu, Ezequiel. Abaixado: Davi.


Na estradinha do rio comprido. Cachorrada nos acompanhando.


Tony fazendo suas preces...


Luiz exibindo disposição, já no asfalto.


Betão fazendo jóinha. Depois eu posto a foto do jóinha original, de 30 e tantos anos atrás.


Helena, Ezequiel, e eu.


Passando por baixo da Carvalho Pinto, rumo a Santa Branca.



Até aqui tava tudo bem. Toca pra Santa Branca. Até que, perto do Rivers...


Furou o pneu do Luiz.


Bicicleteiro oficial.


A Helena fazendo graça na placa da divisa dos municípios.


As irmãs proshocks.


E aí furou o pneu da Helena.


Bom. Enquanto recheávamos a pança com pão na chapa e coisa e tal, as magrelas aguardavam do lado de fora da padosa, na praça da igreja.


Pose na padaria. Foto do Luiz.


Pausa after breakfast. Depois, encarar o caminho da volta.


O Luiz esqueceu o pé no barro. Levou souvenir pra casa. A mulher adorou...


Só ele quis levar argila.


Já na estradinha do Rio Comprido...


E a foto da chegada.


As bikes indo pra casa, arrumadas e sujas. Do jeito que a gente gosta.

Muito bom galera. Passeio bem legal e suave, pra ninguém traumatizar de cara. A coisa tem que ser amena. Devagar o condicionamento vai chegando, e daí a pouco os pedais ganham mais vigor.
Parabéns aos novatos!!
Pro sábado que vem a gente arma mais alguma coisa. Fiquem ligados no blog.

Abraços,
Paulinho.